segunda-feira, 20 de outubro de 2008

É o amor

(...)
- Tu não precisa abrir mão de nada por mim.
- Mas por ti eu abriria mão de qualquer coisa.

Nenhum comentário: