terça-feira, 3 de novembro de 2009

Banrisul

(Ou como eu fui virar funcionário público.)

Segunda-feira, 25 de maio de 2009

Recebi a mensagem abaixo do meu pai. Na hora não dei bola, mas deixei marcada na minha caixa de entrada.

---------- Forwarded message ----------
From: Luiz Rocca
Date: 2009/5/25
Subject: Concurso Banrisul
To: Carlos Alberto Rocca


Dá uma olhada

EDITAL N 01-2009.doc (application/msword) 127K

Terça-feira, 16 de junho de 2009

Efetuei o pagamento da taxa de R$ 110,43 referente à inscrição para o concurso. Ou seja, eu iria estudar para passar.

Quinta-feira, 23 de julho de 2009

Sem ter estudado nada para o concurso, descubro olhando o site da FDRH que as provas seriam realizadas no próximo domingo, 26 de julho, 13h. Não dava mais tempo para estudar, então tratei de não me preocupar.

Domingo, 26 de julho de 2009

Aqui vou falar um pouco de como estava este garoto de programa prestes a ser avaliado. Se for possível resumir em uma palavra como foi a tarde deste domingo, seria tranquilidade. Algumas considerações para ilustrar esta ausência de preocupação:

1. Eu estava feliz onde eu estava trabalhando, independentemente da remuneração;
2. Eu tinha uma ótima garagem bem ao lado do trabalho, e ônibus era uma opção razoável em dias de chuva;
3. O horário era flexível, e era fácil coincidi-los com os horários da Lilian para sairmos juntos de casa e para eu ir buscá-la na escola no horário da saída, eventualmente;
4. Passando no concurso, eu iria trabalhar menos (30h), mas a remuneração também iria diminuir;
5. Eu ia almoçar em casa quase todos os dias.

Apresentadas as circunstâncias acima, fica evidente que eu não estava desesperado para passar. De certo modo, fazia até pouco caso. Conversando bastante com a Lilian, havíamos chego ao acordo de que "se é para acontecer, vai acontecer". Ou seja, se eu passar no concurso, irei assumir o emprego. Se eu não passar, bom, fica para a próxima, mas sem ficar triste por isso.

Quarta-feira, 29 de julho de 2009

Saem os gabaritos do concurso. Verifico rapidamente a quantidade de acertos e descubro que eu fui aprovado, ou seja, acertei ao menos metade das questões nas provas eliminatórias. Parando para pensar, foi bom ter passado. Um concurso tem validade de 2 anos, normalmente sendo estendido por mais 2. E daqui a uns 2 ou 3 anos pode ser a data certa para trocar de emprego.

Sexta-feira, 7 de agosto de 2009

A FDRH divulga a lista de aprovados e reprovados, antes dos recursos. Rapidamente jogo os dados no excel e ordeno para ter uma ideia da minha classificação. 29º. Devo ficar para uma segunda chamada, talvez na metade do ano que vem.

Quarta-feira, 2 de setembro de 2009

A lista de classificação do concurso após os recursos é divulgada. Procuro pela minha colocação e vejo que sou o 42º. Até fecha com a resposta para a vida, o universo e tudo mais, mas como não é esta a pergunta fico levemente desapontado por ter ficado 13 posições atrás da qual imaginava ficar.

Quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Recebo através de e-mail a convocação para me apresentar dia 24 de setembro em uma agência na 24 de outubro munido de toda a documentação para tratar de assuntos referentes à minha contratação. Ligo imediatamente para lá e descubro que o início das atividades será na data de 19 de outubro. Com a orientação de primeiro atender a convocação antes de tomar qualquer outra medida, continuo trabalhando normalmente.

Quinta-feira, 24 de setembro de 2009

9h da manhã. Deixo o carro em um estacionamento e sigo para o local determinado. Lá, sou informado de todas as questões legais, forma de contratação, benefícios, estatutos, algumas normas da empresa junto com diversas outras informações. Conheço um pouco da grande família que é o banco. Tomo a decisão de assumir o emprego e reformular todos os planos guardados para o futuro, a curto, médio e longo prazo.

Sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Converso com o diretor da empresa e explico a minha saída. A parte que mais me preocupava demonstrou que não mereceu 88.34% da preocupação gasta.

Sexta-feira, 2 de outubro de 2009

No final da consulta clínica, já com o resultado de todos os exames médicos admissionais, sou declarado apto a assumir a função. O próximo passo seria efetuar formalmente o pedido de demissão.

Sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Após exatos 3 anos e 1 mês de trabalho, não é tão simples dar um adeus às pessoas com as quais passamos quase a maior parte do nosso tempo em que estamos acordados.

Segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Dia de tomar posse, e de ver que de alguma maneira todas as decisões tomadas referentes a este assunto estavam corretas.

Nenhum comentário: